Barbalha

Carnaval em Barbalha começou com Fanequim em 1963

Carnaval de Barbalha, pioneiro, Fanequim – crédito: MAMA

Carnaval em Barbalha começou com Fanequim em 1963, quando ele retornou do Rio de Janeiro

Unidos dos Morro abriu alas para outras Escolas de Samba de Barbalha – Postagem MAMA

Em 1963, o barbalhense Fanequim retornou do Rio de Janeiro onde fora a trabalho e havia se encantado com as escolas de samba e o carnaval carioca. Ele, junto com outros amigos reuniu-se no bar de Dionisio, no Bairro do Rosário, e fundaram o bloco “Foliões do Maguary”, que mais tarde viria a dar origem a primeira Escola de Samba Barbalhense, a chamada UNIDOS DO MORRO, do bairro do Rosário. Famosa pela sua bateria e pelos títulos conquistados. Foi a primeira a utilizar a bateria mirim. Suas cores:verde e branca.

Em 1973, no dia 31 de Dezembro, um grupo de universitários Barbalhenses, que estudavam em Recife junto com foliões da terrinha, funda no centro da cidade a segunda Escola de Samba do município, a BARBASAMBA; A Rainha, como era conhecida, suas cores azul e branca. A Escola que com suas fantasias, alegorias e adereços, se destacava como sendo uma das mais luxuosas, imbatível.

Em 1987 foi fundada a MOCIDADE INDEPENDENTE UNIDAS DA VILA SANTO ANTONIO. Nas cores vermelha, preto e branca. A escola representava dois bairros, Santo Antonio e Bela Vista. Foram seus principais fundadores: Geraldo Doceiro e Ronaldo Verício. O nome da escola foi de autoria do radialista Antonio Felix.

Em 1989, surge mais uma escola de samba na cidade, a “CAPRICHOSOS DO BAIRRO DE FÁTIMA”, considerada por seus torcedores e dirigentes por causa das cores verde e rosa, a mangueira barbalhense. Foi fundada por foliões que haviam deixado a Unidos do Morro e a Barbasamba, capitaneados por Maria de Lourdes Gomes de Brito, a Bidé. O nome e as cores da Caprichosos, foi de autoria também, do radialista Antonio Felix.

Nos anos 80 (sem informação da data oficial), foi fundada no bairro do Alto da Alegria, a Escola de Samba ÁGUIA DE OURO. Pelo carnavalesco George de Assis Nanan e foliões da comunidade. Mesmo sendo a mais jovem, a “Aguia” conquistou títulos. Sua cor predominante era o dourado.

Esse período de glória e ápice que deixou o Cariri extasiado com tamanha estrutura carnavalesca e que fez Barbalha tirar do Crato o título de Cidade da Cultura Carnavalesca, durou pouco. Mas, desde do ano passado grandes nomes carnavalesco de Barbalha estão fazendo bonito e resgatando esse período! Neste ano teremos o desfile de quatro escolas de samba, carnavalescos estão realizando seus ajustes finais para fazer um grande carnaval em Barbalha…

E VIVA O CARNAVAL BARBALHENSE!

Por: Jucimar Gonçalves (Mama)

Silva Neto

Eu, José Gonçalves da Silva Neto – (Silva Neto), Naturalidade: Cedro-CE, filiação: Vicente Antônio da Silva e Severina Gonçalves da Conceição. Na década de 70, comerciário na Casa Ribeiro e Gilsons Magazine em Juazeiro do Norte, nesta mesma cidade fundador do Xv de Novembro Futebol Clube. Ex-diretor secretário da Liga Desportiva Juazeirense, na década de 70. Comerciário vendedor da antiga Cariri Rações em Juazeiro do Norte. Radialista autônomo, diretor e apresentador do Programa Alvorada Sertaneja - Rádio Cetama de Barbalha. Noticiarista diretor e apresentador do Jornal Cetama é Notícia - Rádio Cetama de Barbalha, membro da equipe esportiva da Rádio Cetama de Barbalha, membro do Programa Flagra pela Rádio Cetama de Barbalha conjuntamente com o radialista Maciel Silva (saudosa memória). Ex-diretor gerente da Rádio Comunitária Verdes Canaviais de Barbalha-CE. Diretor e apresentador do Jornal Verdes Canaviais. Diretor e apresentador do Programa Saúde em debate da Rádio Verdes Canaviais. Ex-diretor gerente da Rádio Aurora do Povo da cidade de Aurora-CE. Ex-secretário e presidente da Liga Desportiva Barbalhense (LDB). Ex-presidente da Associação dos Moradores do Bairro Alto da Alegria – Barbalha-CE. Por oito anos, funcionário recepcionista do Hospital Santo Antônio de Barbalha-CE. Funcionário Público Municipal da Assessoria de Imprensa da Administração do ex-prefeito de Barbalha, Francisco Rommel Feijó de Sá. Funcionário Público Municipal como assessor de imprensa da Prefeitura Municipal de Barbalha, gestão do ex-prefeito Antônio Inaldo de Sá Barreto, membro da assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Barbalha, do ex-prefeito Edmundo de Sá Filho. Prestador de Serviços na divulgação das ações da Câmara Municipal de Barbalha desde o início dos anos 90. Correspondente do Jornal Tribuna Popular de Juazeiro do Norte. Correspondente do Jornal da Tarde da Rádio Padre Cícero em Juazeiro do Norte. Diretor, redator e apresentador do Jornal Alvorada Notícias FM 96,7, desde o dia 02 de janeiro de 2014. Membro da equipe esportiva Show de Bola da Rádio Barbalha FM. Sócio do Rotary Clube de Barbalha – Distrito 4490. Membro sócio do Círculo Operário de Barbalha. Fundador e diretor do site www.diariodocariri.com

Você pode gostar

Deixe seu comentário