Brasil

Bombeiros encontram o corpo da 7ª vítima do naufrágio do RJ

Bombeiros continuam as buscas de corpos do naufrágio do RJ

Bombeiros confirmam mais um morto em acidente entre embarcações em Itaguaí

Corporação informou que são sete os mortos e cinco vítimas são consideradas desaparecidas. Na sexta-feira, nove pessoas foram resgatadas com vida.

Por Pedro Figueiredo, TV Globo

Localizado mais um corpo em Itaguaí. Cinco ainda estão desparecidos

Bombeiros confirmaram, por volta das 17h45 deste sábado (9), que foi encontrado mais um corpo de vítima do acidente entre duas embarcações na madrugada de sexta-feira (8), na Baía de Sepetiba (RJ), em frente ao Porto de Itaguaí, na Região Metropolitana do Rio.

Agora, são sete os mortos nos naufrágios e cinco pessoas permanecem desaparecidas. As buscas neste sábado foram encerradas e serão retomadas às 6h de domingo (10).

Ainda nesta tarde, pescadores que auxiliaram nas buscas conduzidas pelo Corpo de Bombeiros encontraram a Lucas Mar, 2ª embarcação envolvida no acidente. A Milemar foi encontrada já na sexta-feira.

Fora os mortos e desaparecidos, nove pessoas foram salvas ainda na sexta. Na tarde deste sábado (9), um grupo de pescadores que auxilia no resgate de vítimas encontrou, com uma âncora, a Lucas Mar, afundada a 6,5 km do píer.

Também neste sábado, duas vítimas foram enterradas: Wanderlei Batista dos Santos, no Cemitério São João Batista, em Botafogo e Nilson Moura, em Belford Roxo.

O acidente

As embarcações de pescadores naufragaram por volta da 0h20 de sexta-feira. A Marinha e o Corpo de Bombeiros confirmaram, no dia, que seis pessoas morreram no acidente. Sobreviventes relataram que chovia e ventava muito no momento do desastre.

Pela manhã de sexta, quatro corpos haviam sido encontrados. À tarde, outros dois foram retirados do mar: um por volta das 13h45 e outro às 16h.

O Corpo de Bombeiros suspendeu as buscas aos desaparecidos por volta das 18h e retomou neste sábado, às 6h.

A Marinha informou ter reforçado as equipes e equipamentos: uma aeronave, o navio patrulha Iguaporé, quatro embarcações da delegacia de Itacuruçá e seis equipes de mergulhadores.

Antes, havia diferenças nos números divulgados pela Marinha e pelo Corpo de Bombeiros. Além dos seis mortos, segundo os militares, dez pessoas foram socorridas com vida e cinco seguiam desaparecidas.

Relatos dos familiares

Desde a madrugada, o telefone de Aldo Barbosa não para de tocar. Com 40 anos de pesca, ele descobriu que o filho Lucas Barbosa estava entre os desaparecidos depois de receber ligações de várias pessoas falando do naufrágio. A esposa de Aldo afirmou que estranhou o filho não ter passado um rádio para ela na noite de ontem.

“Ela tentou várias vezes. Quando ela me contou, senti uma pressão no peito. Eu fui para o cais e nada”, afirmou Aldo.

Parentes do ex-paraquedista do Exército Pablo Lessa Santos contaram que ele tinha o hobby de sair para pescar com o grupo que estava em um dos barcos que naufragou. Segundo a Marinha, 22 pessoas estavam nas duas embarcações no momento do naufrágio.

Lucas, barqueiro de uma das embarcações naufragadas, está entre os desaparecidos (Foto: Reprodução)

Vandendergue de Sousa Arizoa, cunhado de Pablo, chama a atenção para o fato de que ele tem uma tatuagem com um paraquedas e um brevê nas costas.

“Esse grupo está acostumado a fazer isso junto. Ele já pescou várias vezes à noite. A mochila foi encontrada e ele nada bem. A nossa esperança é que ele tenha tido tempo para nadar para um local”, explicou o cunhado, que mostrou os pertences encontrados.

Sônia Lessa dos Santos, mãe de Pablo, espera encontrar o filho bem. “Eu estava em casa e a esposa de um dos sobreviventes foi avisar de manhã.”

Desde o começo da manhã, Rosimeri Amaral busca informações sobre o cunhado, Neilton de Souza, de 57 anos. Segundo a família, pescar era uma rotina dele.

“Viemos de Nova Iguaçu, um amigo que estava junto e sobreviveu avisou para o meu filho. Ele contou que foi muito rápido, um vendaval e não deu tempo de nada, com uma chuva de granizo”, explicou Rosimeri.

Além de Pablo, Neilton e Lucas, também está desaparecido João Gomes da Silva. Ainda não havia, até o fim das buscas de sexta, as identificações de outras pessoas perdidas no mar.

Lista de desaparecidos

Pablo Lessa Santos

Neilton de Souza

Lucas Barbosa

João Gomes da Silva

Outros três corpos encontrados não tiveram identificação divulgada pelos bombeiros

Você pode gostar

Deixe seu comentário